Exercício Físico pode desacelerar declínio cognitivo

Uma recente descoberta sobre a progressão do declínio cognitivo está sendo estudada através da avaliação das concentrações séricas de uma proteína chamada Tau, encontrada nos neurônios cerebrais, com desenvolvimento anormal e aumentado em indivíduos com Alzheimer, em progressão de declínio cognitivo.

Continuar lendoExercício Físico pode desacelerar declínio cognitivo

Fim do conteúdo

Não há mais páginas para carregar

Por favor, aguarde.
Carregando...